Conhecendo a Laguna Llanganuco, no Peru, em Huaraz

O Lago Llanganuco fica na cidade de Huaraz, região norte do Peru. Esse foi um dos lugares que mais me surpreendeu pelas belezas naturais inesperadas. A água de cor azulada do lago chama a atenção dos visitantes. Em volta, você encontra duas montanhas enormes que dão uma grandiosamente para a vista. A natureza mostra como pode ser diversa em lugares remotos.

O começo do dia estava meio fechado na Laguna Llanganuco, porém o sol apareceu depois

A paisagem, que está localizada dentro do Parque Nacional Huascarán, tem uma exuberância observada em poucos lugares

Para chegar até o Lago Llanganuco, é preciso contratar um tour em uma agência de viagens no centro da cidade de Huaraz. O lugar é pequeno, você consegue caminhar por lá tranquilamente e encontrar uma agência sem precisar de muito tempo. Uma dica importante: pergunte quais os gastos que não estão inclusos no valor do passeio. No meu tour desse dia, as entradas dos lugares não estavam inclusas. Caso você esteja de carro, também consegue chegar por conta própria.

Esse dia foi um dos mais divertidos da minha viagem. Eu acabei caindo em tour de um grupo de mulheres animadíssimas de Lima. Fizemos amizade e fui praticamente adotado naquele dia. Amei.

Existem diversas opções de passeios em Huaraz. Eu escolhi o Lago Llanganuco por conta da raridade de se encontrar um lago com uma água tão azul, tornando o cenário fascinante. Não me arrependi, ao contrário. Nas duas montanhas, em volta do Lago Llanganuco, persiste uma lenda contando que cada montanha eram duas pessoas apaixonadas.

Caso você queira, tem até a opção de fazer um passeio de barco pelo Lago LLanganuco

Como é o centro de Cusco, no Peru

Cusco é uma pequena cidade conhecida por receber os muitos viajantes que vão para lá como uma parada até Machu Picchu. As diversas opções de transporte até as famosas ruínas incas é o que torna o lugar tão cheio de gente. Além disso, a praça principal chamada de “Plaza de Armas” tem um trabalho de jardinagem bonito e é cercada de comércios como lojas, agências de viagem, restaurantes, hostels e hotéis. Os museus também não ficam de fora.

Pelo o que eu me lembre, cheguei por em Cusco em meados de outubro. De dia faz um sol agradável, porém leve a sua jaqueta para passear à noite, pois o frio se faz presente.

Primeiro dia em Cusco e já fui tirar a minha foto em frente à fonte da Plaza de Armas

A jardinagem em Cusco é um exemplo de elegância em uma praça tão bonita e conservada em pleno centro da cidade
Fim de tarde na Plaza de Armas no centro de Cusco, o friozinho já começa a aparecer

Próximo do centro, fica o mercado principal. Lá você encontra diversas lojinhas para comprar lembranças. Na hora da fome, os pratos típicos são um ponto forte do local. Os preços dos cardápios são bem convidativos.

Além de Machu Picchu, existem diversos passeios que ficam próximos da cidade. Não vão faltar pessoas para te oferecem pacotes turísticos para diversos locais. Para Machu Picchu, eu não recomendo o transporte de van, é muito cansativo e me deixou muito tonto por causa da altura. É melhor se planejar para ir de trem. Para esse trajeto, realmente não compensa economizar.

Dá para comprar a entrada de Machu Picchu em um museu da cidade. Agora não estou lembrando qual museu foi, mas, se você entrar em um museu e perguntar onde vendem o ingresso para Machu Picchu, vão te informar.

Arredores da Plaza de Armas à noite

Próximo da Plaza de Armas tem a Avenida El Sol, imperdível para dar uma passeada. Lá você encontra algumas esculturas e artes que remetem aos incas. Existe também um museu nessa avenida. A caminhada por essa região não é muito longa.

Praça perto um chafariz com um muro artístico na Avenida El Sol
Frente do Chafariz na Avenida El Sol e o friozinho começando a aparecer
Vista atrás da quedas das águas no chafariz

Praça no meio da Avenida El Sol

Parede com artes de personagens históricos do Peru

Existe uma variedade de museus espalhados por Cusco. Mas, como estou falando da Avenida El Sol, vou mostrar a vista da região que eu tive ao visitar o Museu do Monumento Inca Pachacutec. Lá você encontra diversas artes e instrumentos usados antigamente pelo povos antigos.

Vista da Avenida El Sol de um dos museus de Cusco, o Monumento Inca Pachacutec