Como tive que correr com medo de ser atingido com garrafa no Chile

O Chile é um país que eu considero seguro, porém em um dia que fui passear pelo centro de Santiago, começaram a fazer manifestações por causa do dia internacional da mulher, 8 de março. Eu pensei que seria apenas uma manifestação pacífica sem mais preocupações como as que já tinha visto só pelos jornais na TV, mas aí que me enganei. Uma coisa é você ver pela TV, outra coisa é você se deparar com uma manifestação imprevisível bem no caminho da sua hospedagem.

Eu sabia que estavam acontecendo manifestações, mas até onde sabia, não era na parte do centro de Santiago que eu fui passear e nem passou pela minha cabeça que a rua que eu estava pegando para voltar até o meu hostel, era o ponto mais crítico, pelo menos foi o que pareceu.

Depois de passar por alguns lugares pelo centro, como a Plaza de Armas e bater mais um pouco de perna, eu decidi visitar o famoso Cerro Santa Lucia, no entanto, já estava fechado quando cheguei lá. Não por causa do horário, mas devido às manifestações que já começaram a ficar descontroladas.

Quando cheguei faltando umas duas ruas para chegar no meu hostel. Bem no meio da esquina, tinha um monte de gente gritando, alguns com bandeiras e outros até com pedaço de madeiras nas mãos.

Apesar disso pensei: “Bom, acho que consigo passar por essa esquina e só virar a direita que aí já chego no hostel”.

Porém, na medida em que eu fui me aproximando da esquina, fui percebendo que aquele monte de gente estava com muita euforia e algumas pessoas começaram a discutir ali bem alto com raiva.

Teve um carro que teve a audácia de tentar passar por aquele monte de gente e acabou sendo cercado de pessoas que estavam em um nível descontrolado, mas o carro conseguiu aos poucos dar ré e sair dali.

De repente várias pessoas começaram a correr não sei do quê e isso já foi me deixando assustado. Quando olhei mais para o meio daqueles manifestantes, tinha uns rapazes com umas garrafas de vidro na mão e também vinham correndo bem na minha direção, que já tinha várias pessoas correndo.

Não tinha como eu passar para a rua do meu hostel por causa da quantidade de gente e do meu medo de acabar entrando em outro tumulto.

Eu precisei pensar rápido e aí acabei atravessando a rua correndo e me abaixando com medo daqueles homens jogarem alguma garrafa na minha direção e pegar bem na minha cabeça. Foi uma correria só.

Sorte que passei rápido para a outra calçada. Naquele momento eu já estava com o meu coração na mão. Eu só precisava encontrar outra rua para chegar até a minha hospedagem.

Fui voltando, me afastando daquela bagunça. Algumas pessoas vinham correndo pela mesma calçada que eu. Provavelmente aqueles rapazes com garrafas na mão estavam se aproveitando para causar tumulto e impor medo naquela situação. Eu não quis correr para não acabar me desesperando ou ser confundido com alguém.

Depois que me afastei daquela confusão, caminhei mais algumas ruas e finalmente cheguei aliviado na porta do hostel.

Paz e harmonia na Plaza de Armas, no coração do centro de Santiago

Como aproveitei diversos lugares em Santiago no verão de 2022

Na última vez que eu tinha ido para Santiago era inverno. Neste ano de 2022, eu fui no verão e posso dizer que com certeza que aproveitei bem mais a cidade do que antes. Saí sem medo medo do frio para passear no Parque Forestal, no Parque Bustamante, pelo bairro Lastarria, Bella Vista, subi e desci de manhãzinha o Cerro San Cristóbal e visitei o famoso Cerro Santa Lucía também.

Fui observar o pôr do sol no famoso Sky Costanera que tem a vista mais alta da América Latina, passei pelo Mercado de Abastos, Plaza de Armas, no Centro Cultural de la Moneda e o Museu Bellas Artes. Tudo no centro.

Depois de vencer todas as burocracias para entrar no Chile, eu mereci passear por todos os lugares que pudesse. Ah, quando eu estava lá, alguns locais como a praça de alimentação do Costanera Center exigiram o Pase Movilidad, que é um documento que o governo te fornece para você passear por onde quiser sem ser barrado pelas autoridades. Se for para o Chile, é só obter esse documento aqui. Mas antes é preciso ter esses requisitos aqui.

Vamos lá vou falar sobre cada lugar que dá para conhecer melhor em Santiago no verão:

Lugares com natureza:

1 – Parque Forestal

O Parque Forestal fica no bairro de Providencia, próximo do centro. E é um dos mais bonitos de Santiago na minha opinião. As diversas árvores cheias de folhas no “estilo outono” deixam o ambiente ótimo para fotos. Lá eu consegui fazer uns passeios de manhã, no fim de tarde, ouvir minhas músicas e simplesmente relaxar na grama ou em um banco.

Circulando pelo parque Forestal

Esse parque vertical vai até depois do Museu Bellas Artes e também é bem frequentado pelos moradores à noite no fim de semana. Você não precisa ficar preocupado com a segurança, mas precisa tomar ser cauteloso e não ficar muito tarde por lá.

2 – Parque Bustamante

O Parque Bustamante está perto do Forestal e do metrô Bustamante. Esse parque tem algumas banquinhas que vendem artesanatos em um espaço amplo. Além disso, existem opções de restaurantes por perto caso você sinta alguma fome.

Em um dos dias em que estive pelo parque, eu vi um homem fazendo acrobacias em uma bicicleta pendurada por uma corda em um tronco de uma árvore. Algo que eu nunca tinha visto antes.

Parque Bustamante em uma tarde amena

3 – Cerro San Cristóbal

Não tem como ir para Santiago e não visitar o tão famoso e icônico Cerro San Cristóbal, né? Existem diversas formas de subir até o topo da montanha que tem uma vista espetacular da cidade. Eu subi e desci tudo andando, pois gosto de praticar exercício físico.

Caso você não queira andar muito, tem o que te teleférico que te leva pelo valor de aproximadamente R$ 25,00. Aqui vai o site da empresa do transporte.

A dica que dou é que na subida existe uma trilha que serve para cortar caminho, porém é mais árdua de ser enfrentada. Na descida, existem vários percursos que você pode escolher. Pergunta para alguém que trabalhe no local aonde você quer ir para não se perder como eu.

Vista do Cerro San Cristóbal com o Sky Costanera no fundo
Dá para ter noção do tamanho grande da cidade por causa da vista do Cerro San Cristóbal

Perdi o caminho, mas achei o letreiro do Chile

A parte boa de ter me perdido foi que passei por lugares que não teria ido e curti, como o Jardim Japonês.

Uma pequena parte do Jardim Japonês

4 – Cerro Santa Lucia

Esse indico para quando você estiver perto do Museu Bellas Artes. O Cerro Santa Ana é um refúgio natural com um bela vista bem no meio de uma cidade grandiosamente urbana. Aproveite a proximidade para passear também pelo bairro Lastarria repleto de restaurantes e arte.

No Cerro Santa Ana, é lógico que você não precisa se preocupar em se cansar muito, pois esse morro é pequeno. Lá é um lugar que pode ser frequentado como um parque em um fim de tarde e tem uma vista de uma parte da cidade de Santiago.

Vista do Cerro Santa Ana

Nos dias em que fui, não consegui passar muito tempo lá por causa das manifestações que estavam acontecendo de estudantes próximo do Cerro Santa. Por esse motivo o parque fechou mais cedo. O horário no verão é das 09h00 às 20h00.

Lugares com comércios, restaurantes, lazer e cultura

1 – Museu Bellas Artes

O Museo Bellas Artes é o mais antigo da América Latina. Quando visitei esse museu, a entrada foi gratuita. Na ocasião as exposições abordavam a produção cinematográfica do país. Esse museu fica perto do Parque Bustamante, do Cerro Santa Lucía e do bairro Lastarria, ou seja, você consegue visitar vários pontos em uma tacada, mas é lógico que vai precisar de tempo.

Museu Bellas Artes no fim da tarde e início da noite

2 – Bella Vista

Esse bairro é um reduto de variedades gastronômicas, músicas e diversão. No pátio Bella Vista, que é um centro comercial repleto de restaurantes e alguns com música ao vivo, você consegue escolher qual comida quer degustar. As opções no lugar são diversas, como comida peruana, mexicana, chilena, entre outras.

Eu optei por um restaurante de comida mexicana porque estava com uma amiga que conheci no México e decidimos comemorar e relembrar os velhos tempos de diversão em Playa del Carmen.

O restaurante escolhido foi o La Rosita. O ambiente tem um estilo mexicano bem forte, cheio de cores e uma decoração que te faz relembrar o México sim. Simplesmente amei e recomendo. Do lado da parte restaurante, tem a música ao vivo. Os cantores estavam bastante animados e mandaram bem nas diversas músicas.

Rosita é um restaurante que fica dentro do Pátio Bella Vista
Esse prato mexicano é uma delícia, pena que esqueci o nome
Selfie no espelho do banheiro da Rosita

3 – Costanera Center

Na verdade, o que tem de diferente no Costanera Center, que é um shopping, é o Sky Costanera que tem a vista mais alta da América Latina. Fora isso, você pode andar pelo shopping para comer, tomar alguma coisa ou fazer algumas compras pelas lojas.

Sobre os preços, eu posso afirmar que a maioria das coisas não têm valores convidativos. O Chile está mais caro do que antes. Sem dúvidas é um dos países mais caros que visitei para compras e comidas.

Apesar disso, acabei comprando uma blusa em um mercado dentro do Costanera Center pelo valor de R$ 50,00, porque tinha ido sem blusa para Santiago e ia passar uma noitada pela Bella Vista.

Costanera Center. Na praça de alimentação me pediram o Pase Movilidad para entrar nessa parte

4 – Sky Costanera

O Sky Costanera compete o posto de primeiro lugar com o Cerro San Cristóbal no quesito passeios com paisagens deslumbrantes.

Eu fui no Sky Costanera um dia antes de voltar para o Brasil. A vista desse mirador é panorâmica, são 360° graus de paisagem do alto do Costanera Center.

O melhor momento para observar a paisagem é no fim da tarde quando o pôr do sol está chegando. Lembrando que o pôr do sol é por volta das 20h00 no verão.

Neste dia, eu estava com a amiga chilena Mari e tiramos várias fotos juntos. Foi um fim de dia sensacional.

Eu e a Mari nos reencontrando no Chile depois de 5 anos de nos conhecermos no México
Tarde com vista deslumbrante no Sky Costanera
Um monte de prédios com uma vista das montanhas
Vendo o pôr do sol no Sky Costanera

O valor da entrada do Sky Costanera é de aproximadamente R$ 75,00. Em pesos chilenos o valor é de $ 15.000,00.

5 – Centro de Santiago

O centro tem vários pontos atrativos. Mas eu vou deixar um resumo do que não perder por lá do que eu conheci:

Plaza de Armas

Nela você pode parar um pouco para você observar como é o lugar bem no coração do centro. Por volta das 18h00, eu super recomendo ficar pela praça para você ver as manifestações artísticas locais que acontecem por lá e que têm pessoas de talento. Eu gostei.

Solzão na Plaza de Armas em Santiago

Centro Cultural de la Moneda no Palácio de la Moneda

Neste centro cultural moderno tem uma biblioteca no subsolo e o prédio possui diversas exposições gratuitas. A que mais gostei foi a que abordava as canções de ninar típicas do Chile. Tinha até musiquinhas cantaroladas gravadas em cada parte da exposição.

Essa é a entrada no Centro Cultural de la Moneda. É só descer as escadas para entrar no local

Mercado de Abastos e Mercado Municipal

Esse é um lugar para fazer a sua feira. No caso de Santiago, você vai encontrar um infinidade de frutas, verduras, legumes, etc.

Além disso, perto do mercado de Abastos tem o Mercado Municipal em que você pode aproveitar para experimentar alguma coisa regional como as famosas empanadas chilenas, por exemplo. Esse lugar é cheio de restaurantes.

Ruas Paris e Londres

Tem as ruas Paris e Londres que são curtas. Eu só recomendo esse passeio se você estiver hospedado muito próximo do centro porque em Bella Vista você tem o mesmo tipo de atrativos ainda maior e melhores.

5 – Bairro Lastarria

O fim de tarde é melhor momento para passear por lá, pois essa região é bem artística e boemia. Existem banquinhas na rua de diversas variedades como artes, bijuterias, roupas e outros acessórios.

As opções de restaurantes e cafeterias para tomar alguma bebida são várias. Você também pode encontrar um lugar para tomar o seu café da manhã. Até mesmo um cinema você tem na região.

Bônus

Em uma ruas próximas do Bairro Lastarria, especificamente em frente ao metrô da Universidade Católica e ao GAM que é o Centro Cultural Gabriela Mistral, todas as quartas e quintas-feiras, um monte de gente se reúne para dançar salsa cubana na praça. Eu simplesmente amei esse tipo de interatividade entre as pessoas.

Se você quiser participar, é só se inscrever no grupo do WhatsApp de salsa cubana. Vou deixar aqui o Instagram desse grupo que tem mais detalhes sobre os encontros.

Ah, eu vou deixar aqui também o meu Instagram com os vídeos dos passeios que fiz no Chile em 2016 e neste ano.

Santiago, Chile: requisitos para entrar em 2022

Olá, amigos, eu fui para o Chile, em Santiago, no dia 4 março deste ano de 2022. Basicamente tive que fazer um teste de PCR, declaração juramentada do viajante, seguro médico, mostrar comprovante de duas doses da vacina contra o covid-19 e fazer um teste de PCR gratuito na chegada do aeroporto em Santiago, no Aeroporto Internacional Comodoro Arturo Merino Benítez.

Todos os requisitos para antes de viajar para Santiago foram pedidos no momento do meu check-in na Latam no Brasil. A atendente verificou cada um no meu celular. O último teste de PCR eu fiz no aeroporto, mas agora estão fazendo ele de forma aleatória, ou seja, provavelmente não é mais para cada viajante que chega lá.

Santiago depois de vencer toda a burocracia dos requisitos 🙂

Bom, para ajudar quem for para o Chile por avião, eu vou deixar aqui as indicações das empresas em que fiz em cada procedimento para ter os documentos requisitados:

Teste de PCR

O teste de RT-PCR precisa ser feito com até 72 horas de prazo máximo de antecedência. Atenção porque o tipo de teste válido é somente o RT-PCR.

Esse teste eu fiz em uma clínica no bairro da Consolação em São Paulo. Lá tive o melhor valor para receber o resultado do PCR em 1 dia, paguei R$ 150. É necessário fazer o pedido antes pelo Dr. Exame, aqui vai o número do WhastApp deles.

Você tem que pedir a guia de encaminhamento pelo Dr. Exame. Para isso, vão solicitar que você adiante R$ 50 por um link de pagamento. É tudo seguro. Eu desconfiei no começo, mas é um serviço honesto. Depois de receber o seu guia de encaminhamento, você deve ir no laboratório para o exame PCR.

Eu fui no laboratório Genoa / Lpcm Medicina Diagnóstica que fica na Av. Angélica, 2318 – Consolação, em São Paulo. O metrô Estação Paulista é o mais próximo do endereço.

Quando você chega lá, só precisa pagar R$ 100,00. O resultado do meu teste ficou pronto no mesmo dia por volta de umas 21h00.

Declaração juramentada do viajante

Essa declaração é um formulário que você precisa responder a partir de 48 horas de antecedência de viagem neste site: https://c19.cl

Seguro de viagem

O seguro viagem precisa cobrir despesas para o Covid-19 em US$ 30 mil. O seguro mais barato que achei foi neste site do Asegura Tu Viaje. Lá tem uma opção para seguro de viagem de US$ 30 mil para despesas de Covid-19.

Comprovante das duas doses da vacina

No site mevacuno.gob.cl você vai enviar informações sobre as duas doses que você tomou da vacina contra o coronavírus. O formulário exige que você envie o comprovante das vacinas, que você consegue pelo Conecte SUS.

É necessário fazer esse procedimento com antecedência, pois ele pode demorar até 30 dias, conforme site oficial com os requisitos.

O meu comprovante ficou validado pelo governo com menos de 15 dias.

Todos requisitos para pegar o meu voo para o Chile validados com sucesso

Teste de PCR ou antígeno na chegada do aeroporto

Quando fui, todos que chegavam faziam o PCR gratuito. Porém agora a regra é que estão fazendo o teste de maneira aleatória. Quem for escolhido para fazer o teste PCR precisa esperar sair o resultado do exame por e-mail para poder passear. O meu resultado do PCR saiu no dia seguinte lá pelas 15h00.

Quem fizer o teste com o método do antígeno precisa esperar o resultado no aeroporto mesmo. Para quem não sabe, o teste com o antígeno leva pouco tempo para dar o diagnóstico, em torno de 30 minutos ou menos.

Aqui sou eu na fila para passar pela imigração em Santiago depois de fazer o teste PCR no aeroporto

Hotel

Essa do hotel eu fui pego de surpresa. Quando eu reservei uns dias em um quarto compartilhado em um hostel, recebi um e-mail do próprio hostel falando que quem vem de fora do país deveria ficar um dia em um quarto reservado. Então tive que reservar esse dia em um quarto individual. No meu caso eu paguei caro, em torno de R$ 240,00, mas existem opções melhores no quesito conforto e preço.

Eu recomendo que você faça isso conforme o hostel ou hotel que desejar, ou então veja uma opção pelo Airbnb.

Vou deixar aqui algumas recomendações de hospedagem em Santiago com preços bons e boa qualidade para facilitar a sua busca:

Apartamento Plaza Suites

Hotel Piso 3

Altura Suites

Time Select

Hotel Galerias

O bom dessas opções que deixei é que você parcelar em até 12 vezes o valor.

Aproveitando vou deixar aqui também pacotes de voos e hospedagem para Santiago que dá para parcelar em 12 vezes também:

Santiago com 4 diárias + voo de ida e volta por R$ 2014,40

Santiago com 4 diárias com café da manha + voo de ida e volta por R$ 1119,00

Pacote de Viagem – Atacama (San Pedro – Chile) – 2023 – 4 diárias e voo por R$ 1296,00

Pacote de Viagem – Santiago (Chile) – 2023 – 4 diárias e voo por R$ 999,00.

E a volta para o Brasil?

Nessa parte você apenas precisa apresentar comprovante da vacina no momento do check-in na companhia aérea.

Antes da atualização das regras, as exigências antigas eram:

Teste PCR ou o antígeno; 

  • O teste de antígeno (que é mais barato) dever ser realizado em até 24 horas anteriores ao momento do embarque; 
  • O teste laboratorial RT-PCR pode ser realizado em até 72 horas anteriores ao momento do embarque.

Formulário da Anvisa preenchido.

Deixe tudo organizado no seu celular para facilitar o momento do check-in no aeroporto que é quando pedem esses documentos.

Como é o pôr do sol em Viña del Mar, no Chile

Um dos finais de tarde mais bonitos que já vi no Chile foi em Viña del Mar. Você consegue observar o sol se pondo no mar, é lindo. O lugar, apesar de ser praia, não é um destino para quem quer dar um mergulho por causa das águas gelaaaadas. No entanto, essa região não perde o seu encanto. Indo de Santiago, você pode levar até uma 1h30 para chegar. Essa cidade fica do lado de Valparaíso.

Escultura de frente ao mar em Viña del mar

O interessante de Viña del Mar é que a natureza litorânea está próxima de uma urbanização elegante. Você encontra ruas bem conservadas, prédios residenciais modernos e diversas opções de comércios. Eu fiquei uns sete dias lá. Até que é bastante tempo, mas precisava de um lugar mais tranquilo para terminar o meu e-book: As Aventuras de um Jovem Chamado Adriano Ferreira. Mal sabia eu que muito mais aventura estava vindo pela frente.

No dia dessa foto, eu tinha tinha perdido o horário de me encontrar com uma brasileira e um chileno, então fiquei por ali, tirando fotos
Apenas parava, sentava, respirava e contemplava
O frio que faz não impede de observar esse espetáculo do fim de tarde. Eu simplesmente amava passear nesse horário em Viña del Mar por isso

7 curiosidades sobre minhas experiências em Santiago, no Chile

Fiquei aproximadamente um mês no Chile e uma semana em Santiago. Consegui observar algumas particularidades por lá. Também conheci alguns costumes da capital chilena e do país em geral.

A beleza natural vista do avião

Confira abaixo 7 curiosidades dessa minha viagem:

1 – O abacate é usado como um alimento salgado. Os chilenos comem com bolacha de água e sal e não têm o costume de fazer uma vitamina como nós fazemos.

2 – O espanhol do Chile é considerado um dos mais informais pelos próprios chilenos. Eles sabem que estão muito distantes das regras da língua na fala. Para mim, o espanhol deles é um dos mais difíceis de entender, depois vem o espanhol da Argentina.

Vista do apartamento em que me hospedei em Santiago, no Chile

3 – Em uma estação de metrô no centro de Santiago, existem duas linhas que passam na mesma plataforma, ainda que elas vão para lugares diferentes. Então é preciso prestar atenção para onde está indo o trem quando você estiver esperando no metrô. Não me lembro exatamente a estação que esses dois trens distintos passam.

4 – Na época em fui para lá (2016), o ônibus rodoviário de Santiago para o litoral de Valparaíso, custou apenas R$ 10,00. O trajeto dura em torno de uma hora. Eu paguei mais caro no Uber (R$ 35,00) do centro até a rodoviária de Santiago.

Centro de Valparaíso, no Chile. Um lugar bem artístico e cheio de movimento turístico

5 – O centro de Santiago está completamente fechado no domingo, não tem nada funcionando.

Centro de Santiago. Gostei de passear por lá, tem diversas opções culturais como museus e exposições na região

6 – Tenho uma amiga chilena que mora em Santiago e se chama Mari. Nos conhecemos em Mérida, no México. Essa é a única amizade do Chile, que não conheci lá, que tenho contato até hoje. Eu amo essa minha amiga.

7 – A minha anfitriã do Airbnb em Santiago não era chilena, era venezuelana e me fez uma arepa para comer, uma comida típica da Venezuela.

Nunca havia imaginado comer algo típico da Venezuela em Santiago do Chile

Cerro San Cristóbal, em Santiago no Chile

Um dos pontos mais visitados da cidade de Santiago é o Cerro San Cristóbal. Você consegue ter uma vista muito boa da cidade e da cordilheira, e ainda faz um exercício físico para chegar até o topo do morro. Nem preciso dizer que no domingo é cheio de gente querendo tirar uma foto no melhor ângulo que pode.

O Cerro San Cristóbal em Santiago fica próximo ao centro, não é de difícil acesso. Leve uma garrafinha de água para matar a sede. Caso você não queira subir a pé, tem um transporte que também te leva até o topo do cerro, o funicular. Eu recomendo altamente que você se alongue e curta a experiência de subir a pé, vai ser mais legal por causa do esforço. A vista da montanha é o maior atrativo juntamente com a proximidade da natureza.

Olha só as fotos:

Nessa dia fazia um pouco de frio

Uma praça em cima de um morro alto, nada mal

Cordilheira com neve e prédio famosão Sky Costanera
O sol veio deixando a paisagem mais clara e o céu sem nuvem

Valparaíso, no Chile, é cheia de cores e tem porto no centro

Valparaíso é uma cidade litorânea do Chile que fica a 1 hora de Santiago. Então, se você tiver tempo, dá para conhecer a região. O lugar é cheio de edifícios e construções com um toque artístico. Existe uma atmosfera mais festeira na cidade. Me recomendaram bastante ela, diziam que eu ia gostar. Eu curti mais por causa do estilo mais artístico.

Com duas ou três noites você consegue aproveitar bem o que essa cidade tem de bom para oferecer. Apesar de ser pequena, a cidade tem metrô. Então se você quiser se deslocar com uma bela vista para o mar, vai gostar da experiência.

Eu fiquei no hostel Casa Valparaíso, que fica bem no ponto turístico no Cerro Concepción, perto dos mirantes e das escadas coloridas.

Hostel colorido que combina com a região
A arquitetura clássica se mistura com a moderna em Valparaíso.
Monumento da praça principal de Valparaíso
Gostaram?
Praça central que fica próxima ao porto da cidade
Paisagem do porto com pequenos barcos com bandeiras do Canadá

Por que conhecer Viña del Mar no Chile?

Viña del mar é uma cidade que está quase a uma hora de Santiago, no Chile. Antigamente o lugar fazia parte de duas fazendas. A região é boa para dar um passeio em frente ao mar do Oceano Pacífico e fazer caminhadas, corridas, entre outros esportes. O fim de tarde na beira da praia é o momento mais indicado se você gosta apreciar um belo pôr do sol.

Eu aproveitava as tardes para fazer uma boa caminhada pela beira da praia. Eu só não dei um mergulho no mar porque a água é muito gelada. Fazia anos que não ia para a praia mergulhar, mas não tem como entrar naquelas águas gélidas.

A cidade está próxima da badalada e mais artística Valparaíso, aproximadamente a uns 15 minutos de Uber. Na entrada da cidade tem um relógio de flores que é bem famoso. Recomendo uma estadia de uns 2 ou 3 dias. Eu fiquei uma semana, mas era porque quis parar em um lugar para finalizar o meu e-book As Aventuras de um Jovem Chamado Adriano Ferreira.

Esse Relógio de Flores é bem bonito

Apesar de estar na praia, fazia frio.

Escultura na fonte de frente para a praia

Escultura de areia romântica em Viña del Mar

Em geral, as pessoas sentam na areia e ficam observando a paisagem

Olha isso…