Perrengues de viagem: Duas histórias reais de quem só queria passear, mas passou sufoco

Quem viaja sempre quer relaxar, se divertir e viver o sonho de conhecer o destino escolhido para ter recordações fantásticas. No entanto, nem sempre as lembranças de viagens correspondem às expectativas desejadas. É nesse momento que nascem os perrengue de viagem, que são as histórias dignas para dar boas risadas ou transmitirem aprendizados. Conheça alguns viajantes que têm casos no mínimo hilários, enquanto tentavam passear pelo mundo:

Achados e perdidos em terras internacionais

A Tânia, do canal Impressões do Mundo, e seu marido, Hilton, radialista, estavam na Itália no ano de 2013, quando desembarcavam no aeroporto de Malpensa com quatro malas e duas mochilas (só faltou levar o guarda-roupa).

O casal continuou a viagem do aeroporto de Malpensa, pegando um trem até a estação central de Milão. Os dois pombinhos bateram altos papos com uma moça durante quase todo o trajeto pelos trilhos. Quando chegaram na estação, ficaram de boca aberta com tamanha beleza e grandeza do lugar até que Hilton decide tirar várias fotos. Porém, no momento em que ele levou a mão atrás das costas, notou que não carregava a mochila com a câmera fotográfica.

Uma corrida cheia de agonia começou atrás dos pertences. O radialista disparou que nem um raio pela estação pedindo licença. Mesmo com todo o esforço, não encontrou nada, somente um monte de pessoas com cara de curiosas para o semblante exasperado.

Mas não foi que o Hilton acabou esquecendo a segunda câmera do casal na bandeja do raio-x, bem na hora da checagem no aeroporto antes do voo de volta para São Paulo? Nem dava mais para o marido da Tânia testar novamente o condicionamento físico por causa das portas fechadas do avião, momento em que se deu conta da nova perda.

Felizes apesar das perdas, afinal estavam viajando
Arquivo pessoal

Cerca de um mês depois, falando com um amigo sobre o ocorrido, ouviram dele que conhecia uma pessoa que trabalha em Milão. “Esse conhecido do amigo, passou pelo aeroporto e, dois meses mais tarde, estávamos com nossa câmera (com mais de 5 mil fotos) de volta”, conclui Tânia com o seu final feliz.

Saga pela Europa

Rachel, do blog Viajão, que estava com seu grupo de amigos, havia planejado pegar um trem de Luxemburgo, na manhã do dia seguinte para Paris. Mas só foi acordar que os pesadelos já começaram: todos os trens para a cidade francesa estavam cancelados por conta da greve que ocorreu na época, em dezembro de 2019.

As tentativas frustradas para chegar até a estação de trem em Luxemburgo ficaram de lado quando um amigo descobriu uma empresa de ônibus que faz o trajeto para Paris. No entanto, a viagem que levaria duas horas, se transformou em seis horas pelo transporte rodoviário.

Quando chegaram até o endereço de embarque, se depararam com um terminal muito engraçado, não tinha nenhuma atendente, não tinha loja, não tinha nada, era um estacionamento em um lugar afastado.

Rachel e seus amigos ficaram torcendo para que todas as expectativas de que algum ônibus parasse ali, e os transportassem fossem reais. Para a alegria do grupo, mais passageiros chegaram e então ansiedade diminuiu.

Na chegada do destino, em Paris, o transporte só foi até uma região bem periférica da cidade. Nem os pedidos para um carro pelo Uber estavam dando certo. O jeito foi achar por ali um hotel que permitisse usar a internet para chamar o transporte pelo aplicativo.

Quando finamente chegaram, depois de oito horas de peregrinação, o hotel das reservas em Paris estava em uma área com várias ruas bloqueadas por causa dos protestos daquele dia. O cansaço ainda teve que esperar mais um pouco até a viajante conseguir finalmente entrar na hospedagem.

Rachel não deixou de sorrir depois da viagem exaustiva até Paris
Arquivo pessoal

Curtiu as histórias de perrengue? Viveu uma para contar?
Me mande no e-mail:
dianoaventuras@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s