Uma breve história do Edifício Martinelli e do dono

Em um fim de semana, fui visitar o famoso Edifício Martinelli. O primeiro edifício mais alto da América Latina. Aproveitei e tirei algumas fotos.

Giuseppe Martinelli tem uma história de vida cheia de curiosidades. Ele chegou jovem da Itália e pobre. Teve diversas profissões como pedreiro e açougueiro. Trabalhou no porto de Santos, enriqueceu com sua empresa de navegação. Ele teve a ideia de fazer o primeiro e mais alto edifício da América Latina para ter seu nome na história. 

 

Vista da cidade de São Paulo do Edifício Martinelli


Na época a construção assustou os moradores de São Paulo dos arredores do prédios, que deixaram suas casas com medo de uma queda do edifício. Vários jornais e revistas falavam do grande futuro edifício, o que deixou muita gente preocupada naquele tempo, pois a maioria dos prédios não chegavam nem perto da altura novo prédio.

Prédio Banespa ao lado do Edifício Martinelli no centro da cidade de São Paulo


Inicialmente, o plano era de 12 andares, mas evolui para 30. A prefeitura impediu o andamento da obra, mas Martinelli provou que o edifício é seguro. Quando soube que alguém estava construindo um prédio com 26 andares, em Buenos Aires, Martinelli conversou com o engenheiro para o acréscimo de mais dois andares. O bafafá foi tanto que, para provar, ainda mais, que o prédio era seguro, Martinelli construiu uma mansão na cobertura do edifício, adicionando mais dois andares, com uma estrutura que não prejudicasse a obra, para morar lá com a família. 


Com a Quebra da Bolsa de Nova York, o italiano faliu e foi despejado de seu próprio edifício. Mas enriqueceu outra vez e tentou comprar o seu edifício em um leilão, no entanto, sem sucesso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s